(61)
3340-9030
(61)
3349-4768
(61)
99295-0376
Sua Conta
O SURGIMENTO DA PISCINA

O SURGIMENTO DA PISCINA


     A palavra “piscina” é derivada do latim “pisces” que significa “peixe”. Pois, a princípio as piscinas nas casas romanas eram destinadas a criação de peixes, um verdadeiro “viveiro de peixes”, antes de se começarem as práticas de natação.     
     As piscinas públicas, porém, têm uma longa história. Os relatos mais remotos de que se tem notícia são de grandes tanques encontrados em pirâmides do Antigo Egito. Embora mais distantes, são as construções que mais se aproximam da piscina atual. Estavam ligadas à decoração, eram luxuosas e com designs deslumbrantes. Durante a Idade Média, com a difusão do Cristianismo, piscinas eram utilizadas para rituais de batismo. As pessoas eram mergulhadas para purificação. Com o tempo, as piscinas ou tanques das igrejas ficaram menores, virando pias batismais, mas a prática religiosa ganhou o gosto popular e os tanques foram adaptados ao lazer e à diversão.
     Apenas com a surgimento e a prática da natação foi que as piscinas começaram a ser tratadas como são hoje em dia, pois os atletas exigiam uma higiene melhor, já que usavam e usam as piscinas frequentemente e não poderiam ficar expostos a doenças. Desde antigamente até os dias atuais as piscinas são referências de lazer e diversão e com isso a prática de esportes aquáticos, como a natação e o biribol, ganharam destaque em campeonatos mundiais. Hoje em dia o tratamento das piscinas é totalmente diferente, a preocupação com a higiene e os cuidados que devem ser tomados são primordiais, até mesmo antes de o cliente adquirir uma piscina deve ser alertado e informado sobre passado todos os cuidados necessários.